setembro 13 2016 0comment

Treinamento SAS: Quem deve fazer?

O mundo está mudando rapidamente. Diariamente lidamos com informações em uma grande velocidade e, o que era regra ontem, hoje deixa de existir.

Como lidar com todo esse volume de dados que é gerado quase que instantaneamente? Como usar esses dados de forma estratégica para conhecer melhor um determinado público ou para enxergar suas necessidades?

Diante desta avalanche de informações, diversas ferramentas estão disponíveis no mercado para organizar, extrair e explorar os dados de forma estratégica. Uma dessas ferramentas é o SAS, que trata-se de um software integrado de aplicações, que tem como objetivo principal a análise de dados.

Quando falamos em analisar dados, estamos falando também de recuperação de dados, gerenciamento de arquivos, análise estatística, acesso a banco de dados, geração de gráficos e de relatórios.  Trabalha com acesso, manipulação, análise e apresentação. Pode ser instalado em diversos ambientes operacionais disponíveis no mercado, sendo os programas e arquivos portáveis para qualquer um desses ambientes.

As empresas, cada vez mais, adotam estas ferramentas e buscam no mercado profissionais capacitados para manipularem e trazer respostas para seus questionamentos de negócio.

Além de diversas características pessoais, as empresas priorizam pessoas que possuam conhecimentos técnicos, podendo explorar ainda mais o potencial da ferramenta adotada, permitindo maior agilidade no dia a dia e agregando valor no atendimento às demandas.

Para o profissional que deseja capacitar-se na ferramenta SAS, é importante buscar escolas que possuam credibilidade e que ofereçam cursos focados em sua necessidade e rotina de trabalho, permitindo desta forma, maior aproveitamento do aprendizado.

A INFOMEV é essa escola. Com profissionais que ministram treinamentos SAS há mais de 13 anos no Brasil, oferece uma ampla grade de treinamentos abertos e in company, que são ministrados nos formatos regulares ou customizados.

Todos os treinamentos SAS oferecem material didático, certificado e suporte pós aula, podendo esclarecer possíveis dúvidas que o aluno venha a ter. Os treinamentos possuem duração de 16 a 36 horas e podem ser ministrados, inclusive no local de trabalho do aluno.

O curso é indicado para todos os profissionais que lidam com volume de dados e não exige formação específica. Para alguns treinamentos SAS, é importante que o aluno possua prévio conhecimento no comando operacional Windows e que compreenda conceitos lógicos de programação, permitindo desta forma, melhor aproveitamento do curso.

Os cursos oferecidos são:

– Programação SAS

– SAS Macro

– SAS Enterprise Miner

– SAS Enterprise Guide

– Linguagem SQL

– SAS IML

Quer conhecer um pouco mais sobre cada curso? Basta acessar o link: http://www.infomev.com.br/servicos/infotraining/treinamento-sas/

Para saber um pouco mais sobre cursos customizados, basta entrar em contato com a equipe comercial, contar a sua necessidade e aguardar um projeto personalizado.

Além de treinamentos em SAS, a Infomev oferece cursos em outras ferramentas, como por exemplo, Tableau e CRM. Para quem deseja desenvolver projetos personalizados em SAS, vale a pena conferir a Consultoria SAS.

agosto 23 2016 0comment

Dica de leitura: O Poder do Hábito

Quer tirar da sua mente e do papel aqueles projetos? Transforme-os em hábitos que o seu cérebro faz o resto. É o que garante Charles Duhigg, autor do livro “ O Poder do Hábito”.

O livro é o preferido de muitas pessoas bem sucedidas e muito do seu sucesso pode ser atribuído ao hábito de determinadas ações. Segundo o autor, bons hábitos são difíceis de adquirir, e os ruins são difíceis de largar, porém, mudanças de hábito, podem acontecer, mas, para isso, é necessário entender como as rotinas automatizadas funcionam no nosso cérebro e, então, abandonar hábitos ruins que podem abrir oportunidades para transformações que podem gerar bilhões, o que significa a diferença entre fracasso e sucesso, vida e morte.

Com base na leitura de inúmeros artigos acadêmicos, entrevistas com centenas de pessoas, entre cientistas e executivos, além de dezenas de empresas e das pessoas que conseguiram dar mudar suas vidas, Duhigg, em O Poder do Hábito, nos apresenta um argumento animador: a chave para mudar o que não funciona em sua vida.

O livro custa em torno de R$ 49,90 nas principais livrarias do país.

Vale a pena a Leitura.

Capa O poder do habito.indd

agosto 02 2016 0comment

Crônica: Busque o equilíbrio na vida

Estamos iniciando um novo mês, e para celebrar o começo desses próximos 31 dias que teremos pela frente, gostaríamos de compartilhar uma crônica que encontramos no livro “O que podemos aprender com os gansos” da editora original.

A crônica nos traz reflexões importantes que se a aplicarmos no nosso cotidiano, certamente teremos resultados diferentes em nossas ações. Confira!

“Em uma conferência numa universidade americana, um executivo falou sobre a relação entre o trabalho e outros compromissos da vida:

– Imagine a vida como um jogo de malabares, em que você lança ao ar cinco bolas. Essas bolas são o trabalho, a família, a saúde, os amigos e o espírito. O trabalho é uma bola de borracha. Se cair, bate no chão e pula para cima. Mas as quatro outras são de vidro. Se caírem no chão, quebrarão e ficarão permanentemente danificadas.

Entenda isso e busque o equilíbrio na vida. Como?

  • Não diminua seu próprio valor, comparando-se com outras pessoas. Somos todos diferentes. Cada um de nós é um ser especial. Não fixe seus objetivos com base no que os outros acham importante. Só você está em condições de escolher o que é melhor para você.
  • Dê valor e respeite as coisas mais queridas do seu coração. Apegue-se a elas como a própria vida. Sem elas, a vida carece de sentido. Não deixe que a vida escorra entre os dedos, vivendo no passado ou no futuro. Se viver um dia de cada vez, viverá todos os dias de sua vida;
  • Não desista, quando você ainda é capaz de um esforço a mais. Nada termina, até o momento em que se deixa de tentar. Não tema admitir que não é uma pessoa perfeita;
  • Não tema enfrentar riscos. É correndo riscos que aprendemos a ser valentes;
  • Não exclua o amor de sua vida, dizendo que não é possível encontrá-lo. A melhor forma de receber amor é dando amor. A forma mais rápida de ficar sem amor é apegando-se demasiadamente a si próprio. A melhor forma de manter o amor é dando-lhe asas;
  • Não tenha medo de aprender. O conhecimento é leve. É um tesouro que se carrega facilmente;
  • Não use imprudentemente o tempo ou as palavras. Eles são coisas que jamais poderemos recuperar;
  • A vida não é uma corrida, mas uma viagem que deve ser desfrutada passo a passo;
  • Lembre-se: ontem é história, amanhã é mistério e hoje é uma d´diva. Por isso é que se chama “presente”.

Reflita sobre esses conselhos. Leia e releia cada um deles e, aos poucos, adote-os como filosofia de vida. Viva com equilíbrio.”

Crônica retirada do livro “O que podemos aprender com os Gansos” – Ed 12 – Editora Original