SAS é líder no quadrante mágico para BI

O SAS, líder em análise avançada de dados, foi considerado pelo Gartner a melhor empresa em Inteligência de Mercado (Business Intelligence – BI) e Plataformas Analíticas (Analytics Platforms). A companhia conquistou a posição por sua complexidade de eixo de visão.

As aplicações analíticas do SAS combinam um profundo conhecimento de questões específicas de negócios. O vasto e crescente portfólio da companhia atende às necessidades de instituições financeiras, varejistas, agências governamentais, fabricantes, empresas de energia e telecomunicações, hospitais, farmacêuticos, hotéis, entre outras.

Recentemente, o  SAS Visual Analytics também foi avaliado pelo Gartner que classificou a companhia como a melhor empresa para a plataforma que lida com um segmento de mercado diferente, que inclui análises preventivas e prescritivos, usados por profissionais de estatística, cientistas de dados, modeladores e outros profissionais de intensive-analytics.

O Quadrante Mágico para Business Intelligence e Analytics de 2015 é focado em visualizações, relatórios, descritivos analíticos e diagnósticos voltado para negócios.

Para ler o release na íntegra, clique abaixo. E não deixe de conhecer as soluções de Analytics do SAS.

Saiba mais: http://bit.ly/1yDVITx

Fonte: SAS.com

NEGÓCIOS – SAS amplia estratégia na américa latina

Diante do forte crescimento do mercado de soluções analíticas, o SAS vem mantendo ritmo acelerado na oferta de soluções e serviços. O bom resultado do SAS no Brasil abriu um leque para várias frentes na estratégia comercial. Em 2014, o faturamento da companhia fechou em US$ 3.09 bilhões, alta de 2,3% em comparação com o resultado do ano anterior. No Brasil, a receita aumentou em 15%.

Márcio Dobal, que ocupava o cargo de presidente da companhia no Brasil e Cone sul, acumulará os escritórios da Colômbia, Caribe, América Central e México. O executivo será o novo VP da América Latina e ajudará o País a se manter como principal escritório da reigão, ganhando ainda mais destaque entre os negócios do SAS.

Para 2015, a expectativa de crescimento se mantém em dois dígitos, assim como nos últimos dois anos”, afirma o executivo. O SAS Brasil estará estrategicamente focado nas indústrias de Serviços Financeiros, Telecomunicações, Governo, Energia e Varejo.

A matéria completa você encontra no site Decision Report:http://bit.ly/1GYq7yx

Fonte: Decision Report

 

SAS Global Forum 2015

Este ano o SAS Global Forum acontecerá em Dallas (EUA) nos dias 26 a 29 de abril e a Infomev estará presente para saber as últimas tendências que envolve a ferramenta SAS e registrando tudo para vocês.

Fique de olho em nossas redes sociais durante esses dias, pois iremos compartilhar tudo o que for relevante. Uma maneira de você saber o que está acontecendo no evento, mesmo não estando lá 😉

Para saber mais detalhes sobre o SAS Global Forum, acesse o site oficial: http://bit.ly/1FCIru9

 

 

Universidades usam soluções de inteligência analítica em cursos de extensão

Pensando além, o SAS desenvolveu uma política estruturada não somente para atender o mercado acadêmico, mas especialmente para ajudar na disseminação de projetos de inovação tecnológica desenvolvidos por universitários.

Uma das instituições de ensino a aprimorar seus cursos com tecnologia SAS é a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-RJ), que conta com o apoio desse recurso no curso de extensão para simular a realidade dos negócios, facilitando o entendimento de estratégias aplicadas. Os alunos podem ver de perto as funcionalidades para gerenciamento de riscos ou para definir segmentação de clientes, por meio de análises preditivas.

Muitos departamentos da Universidade de Campinas (Unicamp) usam SAS. Há cerca de dois anos, a área de engenharia agrícola utiliza a tecnologia para mineração de dados. Há ainda iniciativas mais ousadas, como as desenvolvidas na Universidade do Chile, que queria oferecer um curso de Business Intelligence, e solicitou apoio ao SAS para a criação de uma disciplina focada em mineração de dados – parte integrante de um curso com foco em gestão.

Com essa atitude, a indústria assume o compromisso com o fomento à pesquisa e ao desenvolvimento de trabalhos científicos, auxiliando na formação de profissionais mais qualificados.

Fonte: SASCOM