Ao focar apenas em números, empresas se esquecem das pessoas

O Business Intelligence (BI) ajuda as empresas a tomarem decisões, embasadas em dados e informações sobre o ambiente empresarial, pesquisas de marketing, industriais e de mercado e análises competitivas.Sendo assim, organizações que acumulam “inteligência” estão mais propensas a superar seus concorrentes. Porém estar com “os olhos” apenas voltados para os números podem apresentar riscos de esquecerem das pessoas.

“Geralmente, as áreas de BI estão mais voltadas a aspectos comerciais, como volume de vendas, faturamento, market share e regionalização. Entretanto, hoje em dia, conhecer os movimentos dos profissionais nos concorrentes pode até ser mais relevante para antecipar os passos da concorrência”, diz Marcelo Braga, especialista em RH em uma entrevista para o site Max Press.
Braga orienta sobre algumas questões que podem apoiar os empresários no momento de monitorar a concorrência, a exemplo de contratações. “Investigue se a empresa está procurando talentos e em que áreas. Isso lhe dará dicas sobre a estratégia futura da companhia, como lançamentos de produtos ou serviços, crescimento e reestruturações”, diz o consultor.
O mesmo vale para demissões. “Entender os motivos de demissões ou rescisões de posições importantes na concorrência dará sinais relevantes e pode abrir portas para identificar oportunidades de negócios.”

Conhecer a estrutura organizacional do concorrente é importante para fazer um benchmarking com sua própria estrutura, assim como o modelo de remuneração e a política de bônus. O próprio currículo dos principais líderes diz muito sobre as companhias. Conhecer o perfil dos gestores responsáveis no concorrente ajuda a entender a estratégia da empresa.

Fonte: Max Press

Foto de perfil de infomev

infomev

Write a Reply or Comment